6 de agosto de 2013

QUE TAL UMA MINIATURA DE SI MESMO?

Loja de Hamburgo, na Alemanha, usa escaneamento 360° para fazer pequenas réplicas perfeitas.


Os exemplos são diversos, como o filme Querida, Encolhi as Crianças (1989) ou episódios em que o herói Chapolin Colorado toma as pilulas de nanicolina. A ideia de se ver em tamanho miniatura sempre esteve presente no imaginário dos roteiristas de ficção e atiçou a curiosidade dos espectadores ao redor do mundo. As pílulas encolhedoras ainda não existem, mas já é possível ver como seria uma miniatura de si mesmo.
A pequena empresa Twinkind foi aberta em Hamburgo, em junho deste ano, e é especializada na fabricação de miniaturas extremamente realistas. A loja foi criada pelos alemães Timo Schaedel e Kristina Neurohr, inspirada em uma pop-up store de Tóquio, no Japão, que fotografava grupos de amigos em 3D.
Usando essa ideia, a produção das miniaturas utiliza um sistema personalizado de escaneamento em 360° que usa diversas câmeras fotográficas para pegar todos os ângulos do modelo da pequena estátua. Em seguida, as imagens são transformadas em um projeto digital e produzido em uma impressora 3D, respeitando ao máximo todos os detalhes visíveis na hora do escaneamento.

O resultado final capta desde as cores do retrato original, até dobras nas roupas, expressões faciais e poses. Até animais de estimação podem virar bonequinhos. São sete escalas diferentes, que fazem o tamanho variar entre 15 e 35 cm, em média. Bases redondas, quadradas, sem base e tipos de material também são opcionais.
Mas quanto sai a brincadeira? A mais barata das miniaturas não sai por menos de € 225 (R$ 686,12), enquanto o maior tamanho gira em torno de € 1290 (R$ 3.933,73). Perguntado pela revista Wired sobre o sucesso do negócio, Schaedel diz estar indo “tremendamente bem”. Para ele, essa nova era de impressão 3D pode se tornar uma nova forma de documentação: “As miniaturas só vão somar à nossa cultura de fotografia. Muita gente gosta dessa ideia de congelar um momento e elas o representam bem”.


 : 
Página Seguinte » « Página Anterior Página inicial